Treinamento x educação corporativa: em qual apostar o investimento?

Marcos Paulo Barbosa
Treinamento x educação corporativa: em qual apostar o investimento?

Sua busca por maneiras de melhorar o desempenho dos colaboradores pode trazer diversos conceitos, como: educação corporativa, treinamento, desenvolvimento pessoal… Mas você sabe qual a diferença entre eles e qual será o seu melhor investimento?

Ainda existe muita confusão na hora de diferenciar a educação corporativa dos centros de treinamento tradicionais já usados por gestores.

No processo de capacitação e educação de equipes, cada ação ou iniciativa é aplicada de modo diferente.

Para que você entenda como eles se distinguem e qual se aplica às necessidades de sua empresa, preparamos este artigo com as principais informações e orientações sobre a diferença entre treinamentos comuns e educação corporativa.

As principais diferenças entre o treinamento convencional e a educação corporativa

Cada modelo de capacitação possui suas vantagens, mas o que deve ser considerado por você e sua equipe, como essencial, é a experiência e aprendizagem.

Ambos podem ser eficazes para seus colaboradores, mas ao final do artigo você entenderá qual é mais viável em investir, trazendo maiores benefícios. Vamos lá?

O motivo de uma empresa investir neles

Enquanto o treinamento convencional ocorre por força de uma necessidade pontual, na educação corporativa as ações estão vinculadas às estratégias da organização (continuadas).

No treinamento, a ênfase é nas necessidades pontuais dos colaboradores, de maneira individual.

Já na educação corporativa, a ênfase é, justamente, ao contrário, nas necessidades e estratégias contínuas do negócio. Sendo esse um dos maiores benefícios do investimento.

Ou seja, não é apenas sobre a produtividade individual dos colaboradores, mas sim sobre uma melhora em equipe nas diversas áreas dos negócios.

O ambiente em que eles ocorrem

O ambiente onde ocorrem as ações do treinamento convencional, geralmente é restrito, como as salas de aulas. Já na educação corporativa são diversificados, como também as salas de aulas, ambientes virtuais, entre outros.

Os ambientes virtuais promovem um trânsito mais ágil das informações e esta é uma necessidade cada vez mais exigida na era do conhecimento, com a vantagem também de disseminar o conhecimento para um número maior de pessoas, eliminando desta forma a barreira da distância.

Pesando no atual momento em que vivemos, o aumento na demanda por certificações on-line foi de 95%. E os cursos relacionados ao teletrabalho tiveram um aumento de 21%, de acordo com pesquisa realizada pela Udemy, plataforma de cursos on-line, entre fevereiro e maio de 2020.

O tipo de conteúdo oferecido

O material oferecido deve ser surpreendente, capaz de despertar ideias aplicáveis à rotina da companhia e proporcionar resultados mensuráveis. Por isso, é preciso escolher ferramentas que fazem o colaborador perceber o real valor do treinamento e desenvolvimento oferecido pela empresa.

É importante lembrar que os programas formatados para o treinamento convencional, muitas vezes, não estabelecem uma relação estratégica dentro dos objetivos da organização.

Já na educação corporativa, todo programa concebido tem um objetivo claro: promover desenvolvimento sustentável da organização e a vantagem competitiva.

Ela é conhecida por uma aquisição de conhecimento ativa, onde o colaborador participa ativamente do processo. Portanto, existe uma responsabilidade conjunta de empresa e colaborador.

Seus benefícios e focos

No treinamento convencional as participações nas ações estão restritas aos colaboradores, trabalhando as competências individuais e focadas apenas no colaborador.

Na educação corporativa os colaboradores, clientes, parceiros e fornecedores fazem parte da estratégia do desenvolvimento da organização. Afinal, ela trabalha com as competências críticas do negócio que afetam todas as áreas.

Observe que a educação corporativa junta o que há de melhor em treinamento e desenvolvimento para os colaboradores. Essa metodologia permite cumprir os objetivos e metas traçadas pela empresa, preparando-os para uma alta produtividade.

Entre suas principais vantagens, ela:

  • Desenvolve habilidades pessoais e profissionais;

  • Identifica potenciais líderes em sua equipe;

  • Melhora o clima organizacional;

  • Engaja os colaboradores, deixando-os motivados;

  • Fortalece a vantagem competitiva do negócio.

Conteúdo sugerido: 4 fortes motivos para investir em educação corporativa na sua empresa

Ao invés de focar somente em treinamento e desenvolvimento, experimente expandi-los para um completo programa de educação corporativa. A partir disso, a experiência dos seus colaboradores será única e a melhoria nos resultados será mensurável!

Nós temos um material especial sobre esse assunto. Clique aqui e baixe o e-book sobre as vantagens da educação corporativa para os negócios e veja como transformar o aprendizado dos colaboradores em sua organização.