Coach na empresa: entenda qual o papel desse profissional

Marcos Paulo Barbosa
coach-na-empresa

O coach na empresa pode ser aplicado de diferentes maneiras. Uma delas, por exemplo, é para o desenvolvimento de líderes e treinamento e desenvolvimento de colaboradores, o que gera melhores taxas de retenção e atração de talentos.

Porém, ele também pode ser aproveitado para a motivação e até mesmo para gerar o autoconhecimento em todos, o que pode promover melhores índices de desenvolvimento na organização.

Para que você entenda na prática o quanto um coaching na empresa pode ser benéfico para todos os envolvidos, preparamos este post.

Acompanhe a leitura e entenda como o coaching na empresa pode ser um interessante diferencial!

Afinal, o que é o coaching?

Coaching é um processo de desenvolvimento que pode ocorrer nos âmbitos:

  • Pessoal;
  • Profissional;
  • Empresarial.

Para isso, um especialista (o coach) trabalha com os coachees (seus alunos) com base em uma série de conhecimentos, técnicas e ferramentas para auxiliá-los a alcançarem os seus objetivos.

Não à toa, esse desenvolvimento é realizado a partir do autoconhecimento dos indivíduos.

E como se aplicaria um coach na empresa?

Dentro desse contexto de aprendizado e do desenvolvimento contínuo de capacidades e habilidades, o coaching na empresa tem como objetivo a observação e avaliação de desempenho dos profissionais e dos processos produtivos.

A partir desse diagnóstico inicial, o coach:

  • Identifica os pontos fortes e pontos de melhorias dos colaboradores e dos processos;
  • Cria feedbacks construtivos para que cada indivíduo alcance melhores resultados e melhore gradualmente.

No entanto, essa é apenas uma das partes que compõem o trabalho do coaching na empresa!

Benefícios do coaching nas empresas

Segundo a revista Fast Company, especializada em tecnologia e informação, quando um profissional é inspirado por seu líder, pode ser até 125% mais produtivo. Esse é um exemplo que explica porque é tão importante desenvolver as lideranças nas organizações.

Além disso, por meio do coaching os líderes podem aprender a identificar o perfil dos colaboradores e a extrair o melhor de cada um, a fim de alcançar melhores resultados para a empresa.

Para simplificar a compreensão sobre o papel do coaching nas empresas vamos detalhar abaixo três benefícios da metodologia nas organizações:

1. Aumentar a produtividade

Uma das premissas do coaching é expandir a visão, com o propósito de vislumbrar novas perspectivas e, consequentemente, aumentar a produtividade na empresa. Isso inclui um novo olhar para o capital humano, uma vez que as pessoas são o maior ativo das empresas. 

Quando a liderança sabe como valorizar e estimular os colaboradores, tendem a se tornar mais produtivos e satisfeitos.

2. Manter o foco nas metas e resultados

Outra premissa do coaching é estabelecer metas com o intuito que os envolvidos no processo possam evoluir. Um profissional que não tem metas para alcançar costuma ter mais dificuldade para ver o progresso.

Por outro lado, quando um colaborador é estimulado a superar os limites  costuma se sentir mais motivado, focado e engajado com as metas e resultados. O coaching nas empresas é uma das alternativas para que as lideranças  desenvolvam as equipes.

3. Reter talentos

Muitas empresas relatam a dificuldade em reter talentos, principalmente das gerações mais recentes. O coaching nas empresas pode ser uma alternativa eficaz para superar esse desafio.

Isso porque o processo de coaching pode ser o caminho para ajudar os profissionais a encontrarem um propósito no que fazem. E, quando entendem o impacto da sua atividade, os colaboradores tendem a se engajar mais e permanecer por mais tempo nas organizações.

Como funciona o processo de trabalho de um coach na empresa? 

O coach da empresa pode atuar em diferentes frentes. Como:

  • Na contratação de profissionais;
  • Na melhoria e desempenho da equipe;
  • Na identificação de promoção ou alteração de cargo;
  • Na conciliação de gestão em momentos de crise;
  • Na conciliação de gestão de conflitos;
  • Na constante melhoria nas comunicações;
  • Na constante melhoria do relacionamento interpessoal.

Trata-se, portanto, de um processo de contínua melhoria e desenvolvimento para conferir um status mais qualitativo em todas as áreas e pontos de atenção de uma empresa.

Definição de objetivos

Um dos primeiros passos que o coach dá dentro de uma empresa, é ajudá-la a definir os objetivos que esta deseja alcançar, para se tornar ainda mais bem-sucedida em seu mercado de atuação. 

Pode parecer óbvio, mas existe uma infinidade de negócios, que simplesmente realizam suas ações sem saber ao certo o que querem no momento atual e o que desejam alcançar no futuro, sendo exatamente neste contexto que o coach se encaixa.

Plano de ação

Após a definição dos objetivos, o passo seguinte que o coach dá, para contribuir com o sucesso da empresa, é auxiliá-la na elaboração de um plano de ação. 

Assim como o planejamento estratégico, este plano se faz realmente necessário, pois ele contempla fatores considerados primordiais para que a empresa fique cada vez mais próxima do que almeja. 

Entre estes fatores está a definição do objetivo geral que se pretende alcançar, das pequenas metas, que serão traçadas, para direcionar as ações e para que se acompanhe o progresso das ações, os responsáveis por cada atividade, os motivos para a realização de cada tarefa, o cronograma, com prazo de entrega de cada uma, a forma como tudo será feito, bem como os custos que tudo isso terá.

Desenvolvimento de liderança

Toda empresa precisa contar com líderes preparados, para que consiga alcançar o sucesso em seu mercado de atuação. E quando falo em liderança, não estou falando naquela voltada apenas para os profissionais que ocupam cargos de gestão dentro do negócio, já que esta é uma postura e uma habilidade que deve ser desenvolvida por todos os colaboradores. 

Sendo assim, uma das ações que fazem parte das responsabilidades do coach tem a ver com o despertar e o desenvolvimento desta cultura de liderança nas empresas. 

Assim, o profissional utiliza e aplica técnicas e ferramentas, durante a implementação do processo, que incentivam os colaboradores a potencializarem a sua performance, maximizarem o desempenho das equipes de trabalho, gerenciar conflitos com efetividade, tudo isso motivando e inspirando a todos ao redor a darem o seu melhor, no desempenho de suas atividades diárias.

Outras estratégias

O coaching na empresa pode apontar uma série de outros pontos de interesse a serem desenvolvidos. Alguns deles, que já havíamos destacado, mas que devem ser reforçados, como:

  • Autoconhecimento, que são ações pontuais para que as próprias pessoas diagnostiquem os seus pontos fortes e de melhorias. Para uma empresa, isso se traduz em uma capacitação significativa para que o trabalho permaneça em constante evolução;
  • Comunicação eficiente, algo elementar para ações internas, externas e também para o crescimento pessoal e profissional;
  • Trabalho em equipe, que oferece à empresa os meios necessários para construir (e manter) um ambiente de trabalho produtivo, colaborativo e harmonioso;
  • Cultura do feedback, que se inicia com o retorno do coach e, posteriormente, vai ser trabalhado por meio das avaliações de desempenho desenhadas pelo setor de RH.

Assim, como vimos, contar com um processo de coaching na empresa internalizado ou mesmo terceirizado, pode servir tanto para objetivos em curto prazo quanto para projetos contínuos.

O coach na empresa possui um papel importantíssimo, por isso, aproveite as dicas que trouxemos neste conteúdo para considerar esse investimento. Continue acompanhando a Plantar Educação e acompanhe mais dicas como essas!

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp